quarta-feira, 30 de junho de 2010

UTSF - prologo

O parque de campismo "refugio da Freita" não é nem de perto o melhor parque onde já estive, mas passa a ser um sitio com boas recordações para mim. Apesar do maldito sino da igreja, apesar dos carros que passam constantemente numa estrada que vai dar a nenhures, apesar dos roncos dos vizinhos das tendas e roulotes coladas à minha tenda. Criou-se um ambiente espectacular com todos os participantes nas várias provas a conviverem entre si e eu ainda por cima com um lugar de destaque por estar lá com a proaventuras a vender algum material de trail. Passei a ser o "gajo da Raidlight".
Muito bom o dia anterior à prova. Estar lá acampado desde sexta-feira deu-me tempo para fazer tudo com muita calma e para observar a malta a chegar.
Ainda fui dar um passeio até à Mizarela e tive um vislumbre do que seria a ultima parte do percurso, uma subida terrível junto à cascata da Mizarela. Na tenda ao nosso lado ficou curiosamente o vencedor da Ultra, o Alcino Serras, que toda a gente sabe quem é menos eu.

As vendas correram bem e apesar de um pouco cansado sentia-me bem. Falei com montes de gente, recebi algumas dicas, fiquei a conhecer alguns corredores de topo e sobretudo diverti-me.
Fomos jantar já depois de tudo arrumado e a pasta party já estava murcha, comi esparguete bolonhesa num ambiente já calmo com toda a gente no parque a preparar a trouxa para o dia seguinte.
Fui também preparar o saco bebi um Nocte e dormi 4 horas sem acordar uma única vez. Pequeno almoço de cerelac na companhia do Gonçalo,banho, vestir, tentativa de ir à casa de banho que não deu frutos e de repente estava quase na hora.

170 loucos equipados da cabeça aos pés, com luzinhas na cabeça, no meio da estrada às 5 da manhã à espera do sinal de partida para fazerem 70km...

proAventuras (muito cru ainda)
eu e o antóniosó de ouvir o briefing (1hora dele) dava para ficar com medo (quero dizer que)não sei porquê mas acho que este gajo se vai lixar à grande

3 comentários:

Carca disse...

Nem acredito como ainda não aderiste aos tampões para os ouvidos. Acampar sem eles para mim é impensável

nanex disse...

a "tenda da roupinha" está mt bem. Os factos dos campismos são o habituê.
Também gosto de ir com antecedência para "namorar" e acompanhar o borburinho que se desenrola na terra até ao começo da prova.

Milton disse...

Grande Barbosa!
Continuas fortíssimo e sempre em actividade.
Parabéns pela grande viagem.
A ver se nos inicias nesse mundo do trail.
Tenho aprendido a retirar algum prazer em percorrer caminhos pouco convencionais ultimamente!
Abraço!
Milton